Morre Madre Teresa de Calcutá

No dia 5 de setembro de 1997, falecia aos 87 anos a Anjezë Gonxhe Bojaxhiu, conhecida mundialmente como Madre Teresa de Calcutá ou Beata Teresa de Calcutá.

Foi uma religiosa católica de etnia albanesa, nascida no Império Otomano na capital da atual República da Macedônia e naturalizada indiana, beatificada pela Igreja Católica em 2003. Considerada, por alguns, a missionária do século XX, fundou a congregação "Missionárias da Caridade". Começou seus votos religiosos na Irlanda aos 18 anos, em 1952 na Índia começou seu trabalho de professora e ajuda humanitária.

Depois de muito trabalho, determinação e algumas críticas, a Santa Sé aprovou a Congregação Missionárias da Caridade em 1965. Assim ela começou sua carreira missionária, ajudando muitas pessoas em países como: Albânia, Rússia, Cuba, Canadá, Palestina, Bangladesh, Austrália, Estados Unidos da América, Itália entre outros. Em 1979 foi premiada e reconhecida pelo mundo inteiro, ao receber o Nobel da Paz.

Faleceu devido um ataque cardíaco quando preparava um serviço religioso em memória da Princesa Diana . Uma de sua mensagens mais lembradas era este: “Não usemos bombas nem armas para conquistar o mundo. Usemos o amor e a compaixão. A paz começa com um sorriso”.

No dia 19 de outubro de 2003, o Papa João Paulo II beatificou Madre Teresa de Calcutá.

05/09/1997

Comentários