Lançada ao espaço a primeira parte da Estação Espacial Mir

No dia 20 de fevereiro de 1986 - há 31 anos - foi lançado ao espaço a primeira peça da revolucionária estação espacial russa - MIR.

A estação Mir levou dez anos pra ser montada completamente, de 1986 a 1996. Em sua época, foi o maior objeto construído pelo homem a orbitar a terra. Hoje em dia a Estação Espacial Internacional é três vezes maior que a Mir, que tinha 19 metros de comprimento, 31 metros de largura e 27 metros e meio de altura, pesando aproximadamente 130 mil quilos dentro da atmosfera terrestre. A Mir dava cerca de 15 voltas ao redor da Terra por dia, sendo que o período orbital da Mir era aproximadamente 91 minutos.

A Mir é considerada, até hoje, um dos mais importantes objetos lançados ao espaço. A Mir marcou o início de uma era de estudos realizados na micro gravidade do espaço. A estação era composta de sete partes principais - Módulo Principal, Kvant 1, Kvant 2, Kristall, Spektr, Módulo de Acoplagem e Priroda. Em seus laboratórios, os cientistas consuziam experimentos na área de biologia, meteorologia, física, astronomia além de estudar de diversas formas a permanência humana no espaço por períodos mais longos, como no caso do cosmonauta Valery Polyakov, que foi ao espaço no dia 8 de janeiro de 1994 e só retornaria em 23 de março de 1995, depois de mais de um ano no espaço (tempo mais do que o suficiente para chegar a Marte).

Dos 15 anos em que permaneceu no espaço, acidentes também ocorreram acidentes, como na ocasião em que um sistema que alimentava a estação com oxigênio (o sistema transformava material sólido em oxigênio) entrou em combustão, foram o risco causado pelo incêndio. A estação se encheu com uma fumaça tóxica e nem todas as máscaras que filtrariam o ar não funcionaram. Os cosmonautas tiveram de esperar até 45 minutos para poderem respirar normalmente.

Após a queda da União Soviética, a Mir se tornou uma estação internacional, se tornando um símbolo de diplomacia entre os países envolvidos em projetos espaciais, cosmonautas e astronautas. A estação recebeu equipes dos EUA, Japão, Reino Unido, França, Bulgária e muitos outros países (apesar de a bandeira da URSS não ter sido retirada do topo de um de seus módulos até muito tempo depois da queda da URSS).

Em março de 2001, a Mir adentrou na atmosfera terrestre em um processo de reentrada "controlado", grande parte de sua massa se desintegrou no atrito com o ar. Veja vídeo abaixo.

Comentários