Inauguração do metrô de Nova Iorque

No dia 27 de outubro de 1904 foi inaugurado o metrô de Nova Iorque.

No início do século 20 mais da metade dos então 3,4 milhões de habitantes da cidade de Nova York se aglomerava no sul da ilha de Manhattan. A cidade era movida por bondes e charretes, que não chegavam às regiões mais remotas. Londres e Paris já tinham suas linhas de metrô quando, em 1900, Nova York assinou o contrato com a construtora particular Interborough Transit Company (IRT, hoje MTA, ou Metropolitan Transportation Authorithy).

Liderada por um judeu alemão, August Belmont, o homem mais rico da cidade, a IRT empregou 7700 trabalhadores, a maior parte imigrantes irlandeses e italianos. Salário: 2 dólares por dia. O método de construção tinha nome: “cortar e cobrir”. Além de esburacar mais de 32 quilômetros das ruas da cidade, colocar os trilhos, construir escadas, paredes e tetos, o projeto – que em tamanho só competia com o Canal do Panamá – ainda foi considerado audacioso por outro motivo: fazer tudo isso em apenas quatro anos e meio (a obra do Panamá demorou dez).

Ao contrário dos sistemas já existentes em Paris e Londres, o metrô nova-iorquino tinha linhas expressas – que rasgavam a cidade em poucos minutos, em vez do pinga-pinga das linhas que param em todas as estações. Tudo isso pela taxa única de 5 centavos por viagem, independentemente da distância percorrida. O preço ficou estagnado até 1948, quando dobrou para 10 centavos – mesmo com os custos elevados de manutenção do sistema, os políticos não ousavam aumentar a passagem para não perder votos.

Em 1953, introduziu-se o token, moeda furada no meio que valia como tíquete para o metrô. Foi em 2003, quando passou a valer somente o Metrocard, cartão magnético introduzido em 1997.

O metrô de Nova York tem 468 estações e 24 rotas diferentes. As linhas de metrô são identificadas pelas letras A, B, C, etc ou por números 1, 2, 3 etc. Estas rotas operam no Bronx, Manhattan, Brooklyn e Queens.

Todas as 468 estações do metrô operam 24 horas por dia. Diariamente, cerca de 4,5 milhões de passageiros usam o metrô de Nova York.27/10/1904

Comentários